Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

One Smile, One Life

Porque só vivemos uma vez

One Smile, One Life

Porque só vivemos uma vez

Gosto tanto tanto de Silence 4!

 

 

Sou uma apaixonada por eles desde o início.

Com a doença da Sofia voltaram à ribalta (pelas piores razões mas enfim..) mas eu estive sempre lá.

Inexplicavelmente, nunca consegui estar em nenhum concerto. E o que eu me roí por no ano passado não ter estado lá.
Esta música é a minha preferida de sempre. De uma maneira inexplicável, choro assim que oiço. Mexe tanto comigo.

São dos melhores exemplos do quão grande é Portugal.

Este videoclip mostra a enormidade que deve ter sido aquele concerto! Nunca me vou perdoar.....

Sou a única fã deles por aqui? :)

Coisas para Casa #7

 

 

 

É essencial organizarmos tudo na nossa casa, principalmente no nosso guarda-fatos! E contamos com ferramentas fantásticas e cada vez mais diversificadas para isso!

Estes artigos são todos das Lojas VIVA!

1.png

2.png

 

3.png

 Em várias cores, conseguimos ter o nosso roupeiro divertido, organizado e com imenso espaço!

Estudar e trabalhar ao mesmo tempo.

Sempre admirei muito quem estudava e trabalhava ao mesmo tempo. Muito!

E agora é a minha vez. A pós-graduação "rouba-me" as sextas e sábados e é tanta coisa condensada nesses dois dias que tenho de passar o resto da semana a tentar organizar toda a matéria para depois estudar.

O primeiro exame foi esta semana e posso dizer que não foi fácil conseguir ter tempo para estudar tudo. Também porque para além do hospital, ainda trabalho no restaurante. Mas não é fácil. Chego tão cansada a casa que só quero dormir, mas não posso...ou não devo!..

Continuo a admirar muito. Mas agora dou ainda mais valor. Porque só se dá valor às coisas quando passamos por elas...

Um exemplo de vida!

"Nem a cegueira impediu Ana Sofia de tirar 20"

 

ng3955810.jpg

 

Deparei-me com esta notícia há pouco mais de uma semana. Viram?

Para quem não viu, a Ana é uma rapariga que tem uma doença genética que lhe tirou a visão gradualmente, sendo que neste momento é praticamente cega. Apesar disso, tirou a licenciatura em Psicologia na Universidade de Aveiro, seguiu para Mestrado que acabou com 17 e a tese final foi apresentada há pouco tempo..teve 20! Estudou sempre através de livros digiatlizados e com recurso a tecnologia que lhe traduzia tudo o que estava escrito para som. Ela ouvia os livros, os apontamentos. Tudo.

Esta história emocionaría-me sempre, com um enorme respeito.

Mas emociona-me mais porque... conheço a Ana desde o 5ºano, estudei com ela até ao 9ºano e segui sempre a sua vida como amiga, como alguém de quem me orgulho muito. 

Chorei muito quando soube.. porque é o vingar do querer dela, é o mostrar que aquela personalidade resmungona e lutadora que sempre lhe conheci, permaneceu. Venceu tudo, todas as dificuldades. E conseguiu.

Hoje, procura um estágio que lhe permita entrar na Ordem dos Psicólogos. Só precisa de uma oportunidade. E sei que será uma grande Psicóloga. Pode não vir a ser uma psicólogo conhecida ou que vá à televisão. Mas vai ser com certeza uma excelente profissional. E é apenas isso que ela deseja.

Depois desta notícia, já deu várias entrevistas para as estações de TV mais conhecidas em Portugal. Mas nunca em momento algum perde a humildade ou a sua essência. É isso que a torna única e tão especial.

Se puderem, vejam . É um murro no estômago falar com ela. Mas mostra-nos que nada na vida é impossível. Basta querer. Muito.

Filmes de 2015 #4 - 50 Sombras de Grey (o tão falado!)

Sinceramente, para quem leu o livro, não percebo o burburinho à volta do filme! É exactamente o que se esperava! Porque obviamente há partes que não tinham que estar em filme (e ainda bem, digo eu), mas a história é aquela.

Não é um livro que seja um prémio Nobel, obviamente! Por isso o filme também não tem de ser digno de um Óscar. Mas que está bem feito e é giro, lá isso é!
Gostei muito do filme, havendo uma ou outra falha, acho que é exactamente como se esperava. os atores são bons e leva-nos para outro imaginário.

Agora, para quem não leu o livro, não percebo as críticas de que não era o que esperavam...como podiam esperar alguma coisa se não conhecem a história?? :/

Por fim, fazer uma ressalva: leram-se muitos comentários que diziam que esta história apoiava a violência doméstica. Em momento algum isso é verdade. Trata-se de um modelo de vida, que passa pelo consentimento das duas partes, nunca é a favor de infligir sofrimento deliberadamente e contra a vontade do outro. 

Eu gostei muito...e depois de ter lido os três livros, estou ansiosa pelas sequelas. e vocês? :)

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

Daisypath Anniversary tickers

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D